16/06/2021

Dedal eletrônico promete reduzir quedas em idosos

Redação do Diário da Saúde
Dedal eletrônico promete reduzir quedas em idosos
O protótipo mostrou-se mais eficiente e mais cômodo que bengalas e andadores.
[Imagem: Yokohama National University]

Toque leve

Pesquisadores japoneses desenvolveram e testaram um aparelho - que pode ser usado na ponta dos dedos - que incorpora o conceito de "toque leve" para aumentar o senso de equilíbrio.

Imagine que alguém comece a se desequilibrar ligeiramente, mas isso o faça encostar na roupa de alguém que esteja do seu lado, ou em uma cortina. Mesmo com os olhos fechados, a pessoa que toca levemente uma cortina ou um papel recebe um estímulo suficiente para reduzir seu balanço. Isso acontece mesmo que a cortina ou papel não possam fornecer qualquer suporte postural, e mesmo que o toque seja feito apenas com a ponta dos dedos.

É esse o "toque leve" que os pesquisadores quiseram explorar para ajudar as pessoas a recuperar o equilíbrio mesmo quando estão isoladas, no centro de uma sala, por exemplo, onde não há nenhum objeto perto.

À medida que envelhecemos, nosso senso de equilíbrio pode ficar prejudicado. O aumento resultante na oscilação postural, por sua vez, aumenta o risco de quedas e consequentes lesões, e o aparelho pode ajudar a minimizar esses riscos.

Toque leve virtual

Keisuke Shima e seus colegas da Universidade Nacional de Yokohama se propuseram então a desenvolver um sistema de "toque leve virtual". Para obter o mesmo resultado, eles fizeram com que seu aparelho simulasse nas pessoas uma cortina virtual.

O dispositivo ficou pequeno, podendo se encaixar na ponta do dedo como se fosse um dedal. Assim que o aparelho detecta que a pessoa está se desequilibrando - inclinando-se ou balançando - o aparelho fornece um "empurrão" vibrotátil que ajuda a pessoa a se reequilibrar.

Os testes iniciais mostraram resultados equivalentes ao uso de uma cortina física, sendo ainda muito mais cômodos e práticos de usar do que dispositivos auxiliares, como bengalas e andadores.

Antes de colocar o aparelho à venda, a equipe afirma que pretende melhorar ainda mais o sistema, tornando o dispositivo ainda mais leve e mais compacto, além de aumentar sua sensibilidade, permitindo detectar oscilações posturais mais sutis.

Checagem com artigo científico:

Artigo: A wearable light-touch contact device for human balance support
Autores: Keisuke Shima, Koji Shimatani, Mami Sakata
Publicação: Nature Scientific Reports
Vol.: 11, Article number: 7324
DOI: 10.1038/s41598-021-85687-4
Siga o Diário da Saúde no Google News

Ver mais notícias sobre os temas:

Equipamentos Médicos

Terceira Idade

Prevenção

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2021 www.diariodasaude.com.br. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.