14/12/2015

Brasil melhora IDH, mas cai uma posição no ranking mundial

Com informações da Agência Brasil

Melhorou menos

O Brasil melhorou o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) em 2014, mas outros países melhoraram mais.

Com isto, o Brasil caiu uma posição no ranking mundial, ocupando agora o 75º lugar entre 188 países.

O IDH mede o desenvolvimento humano por meio de três componentes: a expectativa de vida, educação e renda.

Os dados divulgados pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud) mostram que o IDH brasileiro passou de 0,752 em 2013 para 0,755 em 2014, sendo ultrapassado pelo Sri Lanka, que teve crescimento acelerado no último ano.

Índice de Desenvolvimento Humano

O primeiro lugar no ranking mundial é da Noruega, seguido pela Austrália e a Suíça. Em último lugar está o Niger.

Com a 75° posição, o Brasil fica atrás de países latino-americanos como a Argentina (40°), o Chile (42°), Uruguai (52°), Cuba (67°) e a Venezuela (71°).

O relatório mostra que, no Brasil, indicadores que representam melhorias sociais tiveram avanço, como a esperança de vida ao nascer, que aumentou de 74,2 em 2013 para 74,5 anos em 2014, e a média de anos de escolaridade, que passou de 7,4 para 7,7 anos.

O Brasil acumula trajetória constante de crescimento do IDH. De 1990 a 2014, o crescimento foi 24,2%, o maior no período entre os países da América do Sul. Em relação à posição no ranking mundial, de 2009 a 2014 o país avançou três posições.

Programas de proteção social

As políticas públicas brasileiras têm responsabilidade direta sobre esses avanços, segundo a coordenadora do Relatório de Desenvolvimento Humano Nacional, Andréa Bolzon.

"O relatório reconhece esses programas de proteção social e de transferência de renda como importantes para aumentar o desenvolvimento humano. O desenvolvimento dos países tem acidentes de percurso e, se você tem uma rede de proteção social forte, obviamente as coisas ficam mais seguras para todo mundo", afirmou Andréa.

Siga o Diário da Saúde no Google News

Ver mais notícias sobre os temas:

Qualidade de Vida

Trabalho e Emprego

Educação

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2021 www.diariodasaude.com.br. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.