14/11/2019

Casos de dengue atingem maior número da história

Com informações da OMS/Paho

Epidemia de dengue

A dengue nas Américas atingiu o maior número de casos já registrados na história, com mais de 2,7 milhões de casos, incluindo 22.127 graves e 1.206 mortes notificadas até o final de outubro de 2019, conforme uma nova atualização epidemiológica da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS).

A maior epidemia anterior de dengue havia sido em 2015, mas o número de 2.733.635 casos em 2019 é 13% superior à quantidade daquele ano.

Apesar do aumento no número de casos, a taxa de letalidade (proporção de mortes em casos de dengue) foi 26% menor neste ano em comparação com 2015.

Os quatro sorotipos do vírus da dengue estão presentes nas Américas e a co-circulação dos quatro foi notificada no Brasil, Guatemala e México em 2019. A circulação simultânea de dois ou mais tipos aumenta a ocorrência de casos graves de dengue.

O Brasil teve o maior número de casos nesta atualização, com 2.070.170 casos notificados. O México teve 213.822 casos, a Nicarágua registrou 157.573 casos, a Colômbia teve 106.066 e Honduras, 96.379 casos.

Mas os países com as maiores taxas de incidência, que relacionam o número de casos com a população, foram Belize, com 1.021 casos por 100.000 habitantes; El Salvador, com 375 casos/100 mil; Honduras, com 995,5 casos/100 mil; e Nicarágua, com 2.271/100 mil. Nesse quesito, o Brasil fica em quinto lugar, com 711,2/100 mil habitantes.


Ver mais notícias sobre os temas:

Epidemias

Saúde Pública

Vírus

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2019 www.diariodasaude.com.br. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.