20/09/2021

Implante dentário bioinspirado é feito com celulose

Redação do Diário da Saúde
Implante dentário bioinspirado é feito com celulose
As diversas etapas de preparação da cerâmica biomimética.
[Imagem: VTT]

Implante dentário biomimético

A natureza é repleta de estratégias que os organismos vivos usam para produzir materiais fortes e duráveis.

Um grupo de pesquisa da Finlândia e da China desenvolveu agora um material sintético híbrido - um nanocompósito - que imita o material que permite que as tamarutacas, ou lacraias-do-mar, desfechem um dos golpes mais fortes do mundo animal.

A equipe então usou seu material sintético para fabricar novas coroas de implante dentário mais resistentes, lembrando que o esmalte dos dentes é o tecido mais duro do corpo humano.

Este novo material bioinspirado foi criado misturando à cerâmica a celulose da árvore bétula e dois tipos de proteínas geneticamente modificadas: Uma proteína foi projetada para aumentar a resistência interfacial do material e a outra para mediar a nucleação e o crescimento dos cristais de hidroxiapatita.

O resultado é um material que é mais forte, mais resistente e substancialmente mais leve do que a cerâmica técnica atualmente usada na odontologia.

E ele tem um alto potencial para se tornar um material de última geração não apenas nos implantes dentários, mas em qualquer aplicação que exija resistência a impactos, como equipamentos esportivos, coletes à prova de balas, exoesqueletos e até revestimentos de superfície para pára-brisas de carros, por exemplo.

Implante dentário bioinspirado é feito com celulose
O material terá diversas aplicações além dos implantes dentários.
[Imagem: VTT]

Coroa para implante

A equipe demonstrou o potencial do novo material cerâmico processando-o em formatos intrincados, incluindo uma coroa de implante dentário com padrões periódicos de orientação de micro-reforço, além de uma arquitetura de bicamada semelhante aos dentes humanos.

O próximo passo da pesquisa incluirá o desenvolvimento das técnicas para fabricação do material em escala industrial. A equipe pretende também avaliar o uso de outras proteínas, que podem ser projetadas para fornecer novas características ao material.

Checagem com artigo científico:

Artigo: Bioinspired Functionally Graded Composite Assembled Using Cellulose Nanocrystals and Genetically Engineered Proteins with Controlled Biomineralization
Autores: Pezhman Mohammadi, Julie-Anne Gandier, Nonappa, Wolfgang Wagermaier, Ali Miserez, Merja Penttila
Publicação: Advanced Materials
DOI: 10.1002/adma.202102658
Siga o Diário da Saúde no Google News

Ver mais notícias sobre os temas:

Biotecnologia

Saúde Bucal

Implantes

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2021 www.diariodasaude.com.br. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.