Olhos nos olhos reduzem chance de ouvir uma mentira

"Repita, olhando nos meus olhos"

Na vida cotidiana, muitas vezes nos encontramos em situações em que suspeitamos que alguém está sendo mentiroso, seja uma criança alegando nada saber sobre um objeto desaparecido ou um colega chegando atrasado e culpando o trânsito.

Nessas condições, é comum perguntar à outra pessoa sobre o assunto olhando-a diretamente nos olhos.

De fato, o uso do contato visual direto pode ser bastante útil.

Psicólogos da Universidade de Tampere (Finlândia) investigaram o efeito do olhar direto sobre a disposição de outra pessoa contar uma mentira.

Para isso foi usado um experimento interativo, em que os participantes brincavam em um jogo de computador contra outra pessoa. Em cada tentativa, os participantes tinham uma breve visão do adversário através de uma janela de vidro inteligente, após o que eles faziam um movimento no jogo. Em alguns casos, o adversário olhava o participante nos olhos, noutros olhava para baixo, em direção à tela do computador.

O olhar direto do oponente reduziu a chance de que cada jogador blefasse ou mentisse em sua jogada subsequente.

Mentira

O efeito de olhar nos olhos sobre a desonestidade já foi estudado muitas vezes, mas apenas com o uso de imagens dos olhos. Nesses estudos anteriores, essas imagens demonstraram, por exemplo, a capacidade de reduzir a ingestão de bebidas sem pagar ou mesmo o roubo de bicicletas.

"Este foi o primeiro estudo a demonstrar o efeito usando o contato visual real com outra pessoa, e medindo não apenas qualquer forma de desonestidade, mas a mentira," disse o pesquisador Jonne Hietanen.

Segundo ele, os resultados podem ter implicações práticas para situações cotidianas e profissionais, mas devem ser usados com cautela.

"No entanto, como os resultados foram obtidos em uma situação experimental, é preciso ter cuidado para não tirar conclusões muito abrangentes," enfatizou Hietanen, citando explicitamente interrogatórios policiais e outros usos forenses.


Ver mais notícias sobre os temas:

Comportamento

Emoções

Olhos e Visão

Ver todos os temas >>   


  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2018 www.diariodasaude.com.br. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.