Placenta artificial criada dentro de um chip

Placenta artificial criada dentro de um chip
Este é o biochip contendo a placenta artificial.
[Imagem: TU Vienna]

Estudar a placenta

A placenta tem uma tarefa essencial e altamente complexa: Assegurar a troca de substâncias essenciais entre a mãe e o feto, ao mesmo tempo em que bloqueia o acesso de substâncias nocivas.

Apesar disso, os cientistas sabem muito pouco sobre a funcionalidade dessa permeabilidade da placenta - afinal, é incrivelmente difícil investigar diretamente sua função nos seres humanos sem incorrer em riscos éticos sérios.

Por esta razão, pesquisadores da Universidade Tecnológica de Viena (Áustria) construíram agora um modelo de placenta artificial que se assemelha muito ao órgão natural.

Só muito recentemente se conseguiu cultivar células-tronco da placenta humana, mas Denise Mandt e seus colegas já conseguiram criar uma versão aprimorada de uma "placenta em um chip" usando células vivas.

Placenta artificial criada dentro de um chip
A estrutura fundamental da placenta artificial vista sob o microscópio.
[Imagem: TU Vienna]

Placenta artificial

Usando um processo de impressão 3D especial, baseado em um laser ultrarrápido, a equipe fabricou membranas de hidrogel diretamente dentro de chips microfluídicos, que são então preenchidos com células da placenta.

"Nosso chip consiste em duas áreas - uma representa o feto, a outra a mãe", explica Denise. "Usamos um processo especial de impressão 3D para produzir uma partição entre eles - a membrana da placenta artificial".

Isso significa que agora será possível esclarecer algumas questões vitais.

Por exemplo, numerosos estudos mostram que doenças na mãe, como diabetes, podem ter um impacto no feto. A hipertensão arterial também pode afetar o transporte de substâncias para o feto. Até agora, no entanto, tem sido quase impossível investigar o modo como os diversos fatores envolvidos interagem nesses casos.

No chip, importantes parâmetros biológicos podem ser monitorados de perto, como a pressão, temperatura, geometria e suprimento de nutrientes, bem como a administração de medicamentos. Isso permitirá observar com precisão as taxas de progressão e cura de doenças.


Ver mais notícias sobre os temas:

Biochips

Gravidez

Diagnósticos

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2018 www.diariodasaude.com.br. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.