07/07/2022

Quais influências fazem você mudar de ideia?

Redação do Diário da Saúde

Mudança de opinião

Quando nos deparamos com opiniões diferentes das nossas na vida cotidiana, ou mantemos nossa postura ou mudamos de ideia.

Mas como decidimos entre esses diferentes pontos de vista?

Uma coisa é certa: A menos que estejamos muito confiantes da nossa opinião, nossa decisão provavelmente será influenciada pelos outros.

A neurociência agora está nos dando uma visão de como isso se dá no cérebro, mais especificamente, como a atividade cerebral faz uma distinção entre diferentes tipos de influência social quando mudamos de ideia.

Tipos de influência social

A influência social pode ser considerada informativa ou normativa.

Mudar nossas opiniões com base no nosso desejo de estar certo, porque acreditamos que a outra pessoa tem informações mais precisas, é um exemplo de influência social informacional.

No entanto, quando mudamos de ideia por motivos não relacionados à precisão da informação - para nos encaixarmos em um grupo ou porque não queremos ser deixados de fora, por exemplo - isso é chamado de influência social normativa.

Ali Mahmoodi, da Universidade de Freiburg (Alemanha), decidiu analisar como o cérebro diferencia entre esses fatores informativos e normativos quando somos socialmente influenciados a mudar de ideia.

Parceiro humano vs computador

No estudo, os participantes foram postos em duplas e convidados a observar uma série de pontos que apareciam na tela. Eles então tinham que dizer onde na tela o primeiro ponto aparecia e relatar, em uma escala de 1 a 6, o quão confiantes eles estavam sobre sua resposta. Os participantes então viam a estimativa feita por seu parceiro.

Foi dito aos participantes que, em dois dos quatro blocos de testes, seu parceiro era um computador - mas, na realidade, todas as estimativas foram geradas por computador.

Em metade dos testes, os participantes tiveram a chance de revisar suas estimativas; na outra metade, o parceiro foi quem revisou, e os participantes viram essa estimativa revisada.

Os resultados foram bastante reveladores: Os participantes mudaram de ideia com base na influência social informacional - isto é, sua confiança em sua opinião - tanto quando o parceiro era um computador quanto quando ele era um humano. No entanto, uma mudança de opinião por motivos relacionados à conformidade normativa só foi observada no que eles acreditavam ser interações com outros humanos.

"Quando os humanos interagem com um inanimado parceiro computador, essa forma de conformidade normativa não é observada nem no comportamento e nem no cérebro," escreveu a equipe. "Isso terá ramificações importantes para o novo e crescente campo de interações humano-IA [inteligência artificial]. Por exemplo, com a iminente introdução dos carros autônomos na vida cotidiana, estudos como o nosso poderão ajudar a antecipar o surgimento de normas de polidez entre motoristas humanos e IA na estrada."

Checagem com artigo científico:

Artigo: Distinct neurocomputational mechanisms support informational and socially normative conformity
Autores: Ali Mahmoodi, Hamed Nili, Dan Bang, Carsten Mehring, Bahador Bahrami
Publicação: PLoS Biology
DOI: 10.1371/journal.pbio.3001565
Siga o Diário da Saúde no Google News

Ver mais notícias sobre os temas:

Comportamento

Mente

Relacionamentos

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2022 www.diariodasaude.com.br. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.