01/02/2021

Sonda neural de LED lê e ativa neurônios

Redação do Diário da Saúde
Sonda neural de LED lê e ativa neurônios
A pequena dimensão do microLED permite ativar poucas células de cada vez.
[Imagem: Toyohashi University of Technology]

Sonda neural de LED

Pesquisadores japoneses desenvolveram uma sonda neural feita de microLED que é capaz de controlar e observar a atividade neural no cérebro.

Essa nova ferramenta promete contribuir para o desenvolvimento da tecnologia optogenética - controle da expressão dos genes usando luz - voltada para a pesquisa em neurociência, afirmam Hiroto Sekiguchi e Hiroki Yasunaga, da Universidade de Tecnologia Toyohashi.

MicroLEDs são pequenas luzes - de 1/10 até 1/100 de um LED comum - que a indústria está desenvolvendo para a fabricação de telas de alto brilho, alta eficiência e alta resolução.

Mas seu tamanho diminuto e sua alta eficiência chamou a atenção também dos cientistas que querem usar a luz para controlar neurônios e outras células.

A tecnologia optogenética, por exemplo, usa luz para atingir com precisão células específicas, manipulando-as sem afetar outras células do cérebro, o que contribui para elucidar como a atividade neural e o comportamento animal estão ligados.

Até hoje têm sido usadas fibras ópticas como sistema de distribuição da luz, mas a técnica é invasiva demais e muito difícil de controlar no interior do cérebro, limitando as partes do tecido que podem ser estudadas.

Sonda neural de LED lê e ativa neurônios
Fotos do dispositivo desenvolvido pela equipe.
[Imagem: Hiroki Yasunaga et al. - 10.35848/1347-4065/abcffa]

Os microLEDs mostraram ser a solução ideal.

"Neste estudo, fabricamos um novo dispositivo que aplica este pequeno LED à ciência do cérebro. Essa ferramenta de sonda neural, que vai marcar época, pode resolver tarefas em pesquisas convencionais de neurociência e pode controlar e registrar as funções de diferentes nervos em uma área complexa com uma alta resolução espaço-temporal," disse Yasunaga.

Checagem com artigo científico:

Artigo: Development of a neural probe integrated with high-efficiency MicroLEDs for in vivo application
Autores: Hiroki Yasunaga, Toshihiro Takagi, Diasuke Shinko, Yusei Nakayama, Yuichi Takeuchi, Atsushi Nishikawa, Alexander Loesing, Mashiro Ohsawa, Hiroto Sekiguchi
Publicação: Japanese Journal of Applied Physics
DOI: 10.35848/1347-4065/abcffa
Siga o Diário da Saúde no Google News

Ver mais notícias sobre os temas:

Fotônica

Neurociências

Cérebro

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2021 www.diariodasaude.com.br. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.