08/09/2021

Você acha que está perdendo tempo quando está se divertindo?

Redação do Diário da Saúde

Produtividade versus lazer

Uma série de experimentos colocou sob avaliação os efeitos de uma crença comum na sociedade moderna: Que a produtividade é o objetivo final e você está perdendo tempo quando está apenas se divertindo.

As pessoas que concordaram mais fortemente com essa crença não apenas desfrutaram menos do lazer, mas também relataram resultados de saúde mental piores.

Sentir que o lazer é um desperdício e é improdutivo pode levar a menos felicidade e a níveis mais elevados de estresse e depressão.

"Está cheio de pesquisas mostrando que o lazer traz benefícios para a saúde mental e que ele pode nos tornar mais produtivos e menos estressados. Mas descobrimos que, se as pessoas começarem a acreditar que o lazer é um desperdício, elas podem acabar ficando mais deprimidas e mais estressadas," disse a professora Selin Malkoc, da Universidade Estadual de Ohio (EUA).

Mas também apareceu um lado bom: Algumas pessoas céticas conseguiram desfrutar de atividades de diversão se o lazer fosse parte de um objetivo maior, e não um fim em si mesmo.

"Se o lazer pode ser enquadrado como tendo algum tipo de objetivo produtivo, isso ajuda as pessoas que pensam que o lazer é um desperdício a obter alguns dos mesmos benefícios," descreveu a pesquisadora Rebecca Reczek.

Visão negativa do lazer

A visão negativa do lazer parece estar disseminada em todo o mundo. Um estudo que comparou pessoas nos Estados Unidos, Índia e França descobriu que os franceses tinham menos probabilidade do que os moradores dos EUA e da Índia de acreditar que o lazer era um desperdício - o que é consistente com os estereótipos culturais.

Mas, para aquelas pessoas na França que desprezavam o lazer, os efeitos negativos foram os mesmos.

"Nós vivemos em uma sociedade global e há pessoas em todos os lugares que ouvem as mesmas mensagens sobre como é importante estar ocupado e produtivo," disse Reczek. "E, uma vez que você acredita nisso e internaliza a mensagem de que lazer é um desperdício, nossos resultados sugerem que você ficará mais deprimido e menos feliz, não importa onde more."

Como curtir o lazer

Os pesquisadores demonstraram também que não é fácil mudar as crenças das pessoas sobre o valor do lazer.

Para aqueles que acreditam que o lazer é um desperdício, "pode ser útil pensar sobre as maneiras produtivas pelas quais as atividades de lazer individuais podem servir aos seus objetivos de longo prazo," disse Gabriela Tonietto, coautora do estudo.

Em outras palavras, conecte cada atividade de lazer a algo que você deseja realizar.

"Encontre maneiras de tornar as atividades divertidas como parte de um objetivo maior em sua vida," acrescentou Malkoc. "Pense em como aquilo é produtivo, instrumental e útil."

Checagem com artigo científico:

Artigo: Viewing leisure as wasteful undermines enjoyment
Autores: Gabriela N. Tonietto, Selin A. Malkoc, Rebecca Walker Reczek, Michael I. Norton
Publicação: Journal of Experimental Social Psychology
DOI: 10.1016/j.jesp.2021.104198
Siga o Diário da Saúde no Google News

Ver mais notícias sobre os temas:

Diversão

Comportamento

Trabalho e Emprego

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2021 www.diariodasaude.com.br. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.