03/08/2021

Ciência da consciência: Como é a consciência pura?

Redação do Diário da Saúde
Ciência da consciência: Como é a consciência pura?
Já se sabia que meditação pode ampliar as habilidades visoespaciais.
[Imagem: Tevaprapas Makklay]

Ciência da meditação

Ao praticar a meditação, meditadores experientes podem atingir um estágio de "percepção pura", ou "consciência pura", no qual vão além dos pensamentos e percebem a própria consciência.

Esse estado pode ser experimentado de várias maneiras, incorporando sensações específicas, bem como percepções, sentimentos e pensamentos não específicos que o acompanham.

Estas são apenas algumas das conclusões da pesquisa mais extensa já realizada com meditadores sobre a experiência da consciência pura.

"O objetivo da nossa pesquisa não era aprender mais sobre meditação. Estamos interessados na consciência humana," disse o professor Thomas Metzinger, da Universidade Johannes Gutenberg de Mainz (Alemanha). "Nossa hipótese de trabalho era que a consciência pura é a forma mais simples de experiência consciente. E nosso objetivo era desenvolver um modelo mínimo de explicação da experiência da consciência humana com base nessa hipótese."

Ciência da consciência

A pesquisa foi disponibilizada em cinco idiomas - alemão, inglês, francês, espanhol e italiano - e foi respondida por aproximadamente 3.600 meditadores experientes. Além de perguntas sobre os próprios participantes, como gênero, idade e técnicas de meditação utilizadas, 92 perguntas abordavam as experiências de consciência pura.

Para analisar os dados, a equipe usou uma técnica chamada análise fatorial, um tipo de avaliação estatística para identificar grupos de questões que respondidas de maneira semelhante com maior frequência.

"Isso nos levou a identificar doze grupos, o que por sua vez nos permitiu nomear doze fatores que caracterizam a consciência pura. De acordo com este esquema, as características típicas da consciência pura parecem ser, por exemplo, a percepção do silêncio, clareza e uma consciência alerta sem autoconsciência egoica. Tempo, esforço e desejo, que certamente podem ocorrer em paralelo, são experimentados um pouco menos explicitamente. Com base nesses doze fatores, podemos agora desenvolver um modelo mínimo prototípico da consciência humana.

"As respostas que recebemos também incluíram relatos pessoais sugerindo que a consciência pura também é vivenciada em outras situações, como durante acidentes e doenças graves, no limiar entre o sono e a vigília, ou quando imerso em brincadeiras quando criança," explicou Metzinger.

Checagem com artigo científico:

Artigo: The Minimal Phenomenal Experience questionnaire (MPE-92M): Towards a phenomenological profile of "pure awareness" experiences in meditators
Autores: Alex Gamma, Thomas Metzinger
Publicação: PLoS ONE
DOI: 10.1371/journal.pone.0253694
Siga o Diário da Saúde no Google News

Ver mais notícias sobre os temas:

Meditação

Mente

Espiritualidade

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2021 www.diariodasaude.com.br. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.