Muito tempo sentado? Estes exercícios para as pernas fazem a diferença

Muito tempo sentado? Estes exercícios para as pernas fazem a diferença
Estes banquinhos com LEDs foram desenvolvidos para lhe avisar se você não estiver sentado corretamente.
[Imagem: Fraunhofer IAO]

Sentar e circulação

Já se sabia que ficar sentado por longos períodos resulta em um declínio no fluxo sanguíneo para as pernas e na capacidade das nossas artérias maiores se abrirem para acomodar um aumento do fluxo sanguíneo quando precisamos nos movimentar.

Na verdade, ficar sentado por apenas 10 minutos é suficiente para reduzir o fluxo sanguíneo para as pernas e prejudicar a função dos pequenos vasos sanguíneos que suprem os músculos da perna, afirmam Jennifer Vranish e seus colegas da Universidade do Texas (EUA).

A boa notícia é que podemos reverter essa deficiência realizando exercícios simples com as pernas, mesmo quando estivermos deitados na cama ou no sofá.

Exercícios para as pernas

Os pesquisadores usaram uma técnica de ultra-som Doppler ao lado do joelho para medir o fluxo sanguíneo e medir o quanto os vasos sanguíneos se modificavam em pessoas saudáveis e jovens. Estas medições foram feitas antes e depois de um período de 10 minutos sentado, ou durante um período de descanso enquanto deitado, com e sem exercícios para as pernas.

Os resultados mostraram que o período de 10 minutos sentado reduziu a capacidade dos participantes de aumentar rapidamente o fluxo sanguíneo - quando a pessoa precisa se movimentar - para a parte inferior das pernas através dos pequenos vasos sanguíneos, mas não afetou o alargamento das artérias maiores em resposta ao aumento do fluxo sanguíneo.

Esses efeitos negativos foram superados por exercícios para as pernas que consistiam em estender o pé para trás e para frente a cada dois segundos durante um terço do tempo gasto deitado.

"Estes resultados aumentam nossa compreensão do impacto negativo da inatividade na função dos vasos sanguíneos e demonstram os efeitos positivos de exercícios simples nas pernas durante descansos, fornecendo mais informações sobre como a inatividade física afeta a saúde vascular da parte inferior das pernas," disse o professor Paul Fadel, coordenador da equipe.


Ver mais notícias sobre os temas:

Atividades Físicas

Trabalho e Emprego

Sistema Circulatório

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2018 www.diariodasaude.com.br. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.